WordPress

Como fazer um blog de viagem do zero (6 passos)

como fazer um blog de viagem do zero

Hoje você pode ter um blog sobre o assunto que você quiser. Mas um dos assuntos que se destacam e muito na web, é viajar! Todo mundo gosta de viajar e ficar sonhando com fotos de pontos turísticos na internet, desde os mais comuns até os mais ousados. E alguns, o que também deve ser o seu caso e por isso você está aqui, querem registrar e impulsionar a “carreira de viajante”. Criar um blog de viagem requer algumas dicas e é isso que reunimos neste artigo para você.

Vamos dividir em seis passos para ensinar como criar um blog de viagem usando o WordPress. Você tem muito o que aprender por aqui e certamente está ansioso para começar um blog de viagem! Então vamos embarcar nessa!

1º Passo: Escolher um nome de blog criativo (e registrar o seu domínio)

A primeira coisa que qualquer blog precisa é de um nome, e então é por aí que você precisa começar. Comprar um domínio ou registrar um domínio é um processo altamente pessoal. Isso porque o seu blog tem que ter a cara do seu negócio. Mas por outro lado temos algumas dicas que se aplicam para todos os sites.

Basicamente o que todo dono de site precisa ter em mente é:

  • Escolha um nome de blog curto e fácil de decorar, de lembrar. Nomes curtos são fáceis de memorizar, não exigem muito trabalho na hora de digitar e praticamente grudam na mente das pessoas.
  • Escolha um nome de blog que esteja disponível em .com.br. Nós vamos falar sobre como registrar um domínio em seguida. Mas agora só queremos adiantar que você deve verificar seu domínio para saber se a extensão .com.br está disponível para registro.
  • Escolha um nome de blog que tenha a ver com o seu conteúdo. Na maioria dos casos, você quer um nome que esteja relacionado com o tipo de conteúdo que você vai abordar. “Viajante Econômico” é muito mais claro e útil do que um nome como “Blog de Viagem do João”, por exemplo (a não ser que você já seja famoso).

Você provavelmente já pensou em várias ideias de nomes de blog e o que precisa fazer agora é anotar todas elas. Assim você pode consultar uma por uma para saber se a extensão está disponível. É claro que você tem a opção de escolher outra Top-Level Domain (TLD), mas se tratando de SEO e na experiência do usuário, as pessoas acreditam mais quando tem um site site .com, por isso esta é a nossa recomendação.

Assim que você escolher um nome para o seu blog, o próximo passo em aprender como criar um blog de viagem será registrar um domínio. A maioria das empresas de hospedagem (incluindo a Hostinger), facilitam este processo de comprar seu domínio:

registrar um domínio

Você só precisa digitar o domínio que quer comprar e o verificador vai dizer se está disponível.

Se alguém já escolheu o seu nome, infelizmente só lhe resta mudar de ideia. Pense em palavras que lembram viagens, férias, descanso e lazer. Praia, montanhas, estrada, malas, o que acha? Abuse da sua imaginação, faça um brainstorm e terá o nome de blog ideal para sua ideia.

Enquanto tem ideias, consulte para ver se o domínio está disponível até encontrar o seu:

Registrar domínio do seu blog de viagem

O próximo passo é adicionar o domínio ao carrinho e efetuar o pagamento. Na maioria dos casos, um nome de domínio .com.br vai custar aproximandamente R$ 40 por ano. Ao finalizar a compra, este nome de domínio será seu, mas você terá que renovar seu domínio todo ano.

Seu provedor de hospedagem ou a empresa de registro irá te notificar com antecedência sobre a renovação, então não se preocupe com isso. Agora que você já tem um domínio, é hora de falar sobre o serviço de hospedagem.

2º Passo: Escolha um bom serviço de hospedagem

Enquanto você aprende como começar um blog de viagem, encontrar um serviço de hospedagem de confiança pode ser difícil. Mas a parte boa é que o mercado de web hosting é competitivo com excelentes provedores, mesmo se você está com um orçamento limitado.

Para eliminar este fantasma quando o assunto é a tecnologia do seu site, aqui estão algumas dicas que você pode observar para identificar qual a solução ideal para você. O seu provedor de hospedagem deve ter:

  • Diferentes planos para cada tipo de site. No seu caso, é ideal escolher um provedor com planos acessíveis para iniciantes, mas que tenham opções diversas de upgrade e recursos adicionais para quando o seu blog de viagem crescer.
  • Uptime e desempenho de alto nível. O seu site precisa estar acessível a todo momento e carregar rapidamente na hora em que o usuário acessá-lo. Isso significa que você tem que priorizar essas características na sua escolha, e assim garantir a sua reputação e a melhor performance.
  • Recursos que facilitam a sua vida. Busque provedores com recursos que vão facilitar a sua vida e o gerenciamento do seu site. Alguns deles são backups automáticos, criadores de sites, painel de controle intuitivo e daí em diante.

Se você conhece alguém que tem um site, pergunte quanto ele paga no serviço de hospedagem e se ele está feliz com os serviços que recebe. Se você não sabe por onde começar, nós aconselhamos conferir nossos planos de hospedagem compartilhada, ideal para projetos iniciantes.

Uma das primeiras dúvidas que fazem quando o assunto é como fazer um blog de viagem é quanto ao custo. Então saiba que não é necessário investir em um plano caríssimo se você – ainda – não vai usar estes recursos. Por isso falamos sobre a flexibilidade de fazer upgrade e adicionar recursos extras. E também, você pode sempre migrar para uma hospedagem mais robusta como uma VPS se o seu blog de viagem se tornar um gigante da internet!

E um detalhe importante quando se trata de um blog de viagem, já que você vai usar seu blog em qualquer horário e de qualquer parte do mundo: você precisa de um serviço de suporte excelente e que esteja disponível 24/7. Lembre-se de pesquisar os reviews dessa empresa e também a reputação dela na internet. Pode te ajudar na sua decisão. Saber o que os clientes reais dizem é essencial.

3º Passo: Criar uma lista com ideias de artigos

Agora você já tem um nome para o seu blog, o seu domínio e uma hospedagem. Antes de continuar falando de tecnologia, vamos fazer uma pausa e pensar no conteúdo que você vai abordar no seu site. Lembre-se que você já tem um tópico, afinal você escolheu o nome pensando nisso, certo? O que publicar é tão importante quanto como fazer um blog de viagem!

Um desafio que surge sempre que alguém faz um blog de viagem é o que publicar de diferente e tornar o seu blog de viagem especial. Por isso você precisa parar e nortear pelo menos os primeiros artigos que vai escrever e publicar, elabore um calendário para o seu primeiro mês. Com este planejamento você não vai se encontrar travado e desmotivado com seu blog, e terá motivação para produzir mais e mais.

Este brainstorm vai te ajudar nos primeiros passos. Você que falar de viagens baratas ou luxuosas? Suas viagens serão regionais, nacionais ou por todo o mundo? É um blog para ajuda viajantes, turistas ou nômades digitais? Com perguntas como estas você vai ter ideia de quais conteúdos poderá produzir e alinhar com seu blog.

E falando agora de um contexto mais pessoal, pense nas últimas viagens que você fez e responda estas perguntas.

  • O que fez essas viagens serem especiais? Qual o diferencial de cada uma delas?
  • Tem algo que você gostaria de saber sobre estes lugares que visitou antes de ter viajado, mas que não encontrou a informação em nenhum outro lugar?
  • O que poderia ter economizado ou aproveitado mais nessas viagens?
  • Pode compartilhar dicas de hospedagem, gastronomia local, pontos turísticos e coisas para fazer?

E claro, quando e para onde é sua próxima viagem? Isso também já pode te ajudar com ideias de posts para o seu blog.

Além disso um blog de viagens é totalmente versátil para você abordar temas divertidos. Isto significa que você não precisa se preocupar quando surgir um assunto sobre receitas. Claro que o que blog terá um foco como já definimos acima, mas você pode variar entre tópicos sortidos e que podem fazer sentido para o seu público.

Agora faça uma lista de todas as ideias de textos criativos para blogs que vieram a sua mente. Então, confira o que outros blogs de viagens estão falando nos artigos deles, e veja se há algo adicionar com informações relevantes, de uma outra perspectiva ou escreva melhor usando técnicas para isso.

Você não precisa se preocupar em escrever estes artigos neste momento. Apenas anote os tópicos, um briefing do que você quer abordar e pronto. Antes de parar e escrever, vamos terminar o assunto de como fazer um blog de viagem do zero.

4º Passo: Escolha uma Plataforma (CMS)

Como você já sabem, existem muitos softwares para criar e gerenciar um blog, mesmo se você não tem experiência em desenvolvimento web. Estes tipos de plataformas são chamados de Sistema de Gerenciamento de Conteúdo (CMS, do termo em inglês Content Management System), e você tem muitas opções de softwares gratuitos para escolher.

O Joomla!, por exemplo, é um CMS flexível que permite publicar conteúdos, personalizar o seu site com templates, e possui outras funcionalidades que você pode adicionar conforme precisar. Com o Joomla!, você pode fazer um blog de viagem simples e adicionar recursos quando e como quiser, tudo de graça:

fazer blog de viagem no joomla

Drupal é outra opção com uma ótima reputação por ser de alta escala. Isto quer dizer que você pode fazer um blog de viagem simples ou robusto, que receba muito tráfego. O seu provedor de sites também tem uma participação importante quando se trata de quanto tráfego o seu site poderá suportar, não esqueça.

Com o Drupal, você pode construir o tipo de site que quiser. Além disso, também suporta temas e extensões. Mas por outro lado, pode ser um desafio maior para quem não tem nenhum conhecimento em desenvolvimento web.

fazer blog de viagem no drupal

E finalmente, o WordPress. Este é o rei dos CMS’s e escolhido por quase 30% dos sites. Sem dúvidas é a opção mais popular. E os motivos que levam as pessoas a escolher o WordPress são porque é uma plataforma incrivelmente fácil de usar, mesmo se você ainda está aprendendo como fazer um blog de viagem.

como fazer blog de viagem no wordpress

Além de ser fácil de usar, o WordPress oferece mais opções de customização do que qualquer outro CMS. Você tem milhares de plugins e temas para escolher, e também as opções do plano premium.

Se você é um leitor regular do nosso blog, você sabe que somos fãs do WordPress. Inclusive nosso blog é construído no WordPress, e este artigo foi escrito no editor WordPress. Com a combinação certa de plugins e temas, você pode criar um blog ou site de qualquer forma e padrão que possa imaginar.

Mas como aqui estamos falando em como fazer um blog de viagem, você vai fazer com muito facilidade. Porém, com o WordPress, você também pode habilitar recursos para que os usuários façam compras pelo seu site, confiram itinerários de voos e muito mais (nós vamos falar destes recursos um pouco mais tarde).

Daqui em diante vamos focar em como fazer um blog de viagem no WordPress, que é a nossa escolha. Se você quiser fazer o seu blog enquanto faz a leitura, faça a instalação na sua hospedagem. Se não sabe como fazer isso, solicite ao serviço de suporte do seu provedor as direções.

5º Passo: Encontre o melhor Tema WordPress para Blog de Viagem

Considerando que você já tem o WordPress instalado, o próximo passo é escolher um tema para o seu site. Caso você não saiba, os Temas WordPress são templates customizados para personalizar a aparência do seu site.

Como falamos antes, você tem milhares de opções gratuitas para escolher enquanto ainda está aprendendo como fazer um blog de viagem. Você pode encontrar todas as opções no site oficial WordPress Theme Directory:

diretorio de temas no wordpress

Para configurar um tema, você precisa acessar o seu painel de controle WordPress, clicar em Aparência > Temas. A maioria das versões WordPress incluem temas fantásticos.

escolher tema para blog de viagens

Estes temas são bem básicos, mas explore mais e veja as outras possibilidades. Você vai inclusive encontrar temas indicados para blogs de viagens especificamente.

Para consultar, no botão Adicionar Novo digite a palavra Travel para ver quais as opções relacionadas a este assunto serão dadas como sugestão.

Adicionar tema escolhido para blog de viagem

Existem muitas opções excelentes para um blog de viagem. Mas não escolha o seu tema baseado somente na aparência. O seu blog vai ter uma vida longa, assim esperamos, e o tema vai te acompanhar por anos. Por isso, você precisa escolher certo.

Aqui estão algumas dicas para ajudar a escolher o melhor tema WordPress para blogs de viagens! O tema escolhido deve ter:

  • Reviews positivos. Geralmente nós prestamos atenção nos dez últimos reviews com uma média relevante (nota acima de 5) antes de escolher um tema.
  • Atualizações Recentes. Você nunca deve usar um tema que esteja há alguns meses sem atualizações. O tema pode ter sido abandonado e isso o torna vulnerável principalmente quando se trata de segurança.
  • Instruções básicas. O ideal é escolher um tema que tenha informações básicas de uso e que facilite na hora de encontrar e instalar recursos.

Como estamos falando de blog de viagem, atente-se para temas que favorecem esse nicho.

Se você encontrar um tema que atenda a todos estes critérios, tudo o que você tem que fazer é instalar. Se você está selecionando o seu tema em um painel de controle no navegador, apenas clique em Instalar:

Instalar e ativar tema escolhido para o seu blog de viagem

O processo de instalação vai levar alguns, até que você veja o botão Ativar:

ativar-tema-blog-de-viagem

Clique neste botão e o tema será instalado completamente no seu site. Se abrir o seu site no navegador, você vai que já está diferente e com a nova aparência.

Claro, você também pode personalizar o seu blog de viagem para deixar do jeito que você quer. Como fazer isto (e quais as opções que você tem) vai depender do tema que você escolher. Um bom lugar para saber mais sobre isso é o the WordPress Customizer.

Antes de continuar, queremos reforçar que você não precisa se limitar aos temas gratuitos do WordPress só porque ainda está aprendendo como fazer o seu blog de viagem. Fique livre para escolher as opções premium, adicionar os recursos que quiser e fazer um blog que vai ter o seu jeito!

Os temas WordPress para blog de viagem são um nicho muito popular, você não ficará sem opções. Duas sugestões são para começar são o Trendy Travel e Travel Tour, mas nossa intenção é que você explore as alternativas e escolha o melhor para você.

6º Passo: Configure os Plugins necessários

Estamos na reta final para aprender como fazer um blog de viagem. Antes de escrever o seu primeiro artigo, você precisa selecionar os plugins que vão te ajudar a gerenciar melhor o seu blog e facilitar sua vida. Os Plugins WordPress são extensões para adicionar recursos no seu site ou blog.

Em muitos casos, alguns plugins já vêm pré-instalados no seu tema. Você pode conferir quais são ao clicar em Plugins, do seu painel de controle.

selecionar os plugins para o seu blog de viagem

Adicionar plugins é quase como adicionar temas. Existem milhares de opções para escolher um Diretório de Plugin WordPress, então recomendamos que você invista tempo para consultar quais os melhores plugins que você não pode deixar de ter no seu blog de viagem.

plugins wordpress

Vamos conhecer alguns tipos de plugins WordPress para blogs de viagens que existem por aí. Um deles, o WP Travel Engine permite criar pacotes de viagens, emissão de pacotes até finalizar o processo de compra.

travel engine plugin

Então vamos imaginar que você está escrevendo sobre a última viagem que fez. Você pode criar uma lista dos hotéis onde se hospedou, os lugares que visitou e disponibilizá-los no seu site, assim os seus leitores vão poder compartilhar da experiência.

Outra opção seria o Travelpayouts, que permite monetizar o seu blog de viagens usando o programa de afiliados.

plugin travelpayouts

Com este plugin, você pode ajudar os seus visitantes a encontrar voos baratos e opções de hotel. Se eles comprarem através do seu site, você ganhará uma comissão pelos serviços.

E não claro que até mesmo plugins não-específicos para blogs de viagens podem te ajudar com o seu projeto. Por exemplo, se você quer agendar conteúdos com antecedência, você também pode usar o plugin Editorial Calendar para ter uma visão geral dos seus posts:

calendario editorial

Você deve instalar cada plugin que escolher. Clique em Plugins > Adicionar Novo e busque pelo plugin. Ao aparecer o seu plugin na biblioteca, clique em Instalar Agora, que estará próximo ao plugin.

Investigue mais plugins e se impressione com as diversas opções, mas vamos finalizar a missão de hoje que é te ensinar como fazer um blog de viagem.

plugin health check troubleshooting

Espere alguns momentos e o botão Ativar irá surgir, clique mais uma vez. E assim o seu plugin estará pronto para ser usado.

Pronto, agora você sabe como fazer um blog de viagens e está pronto para começar a produção de conteúdo.

Conclusão

Ter um blog de viagens de sucesso e ganhar dinheiro enquanto viaja é um sonho, sabemos. Mas tem muito trabalho por trás disso e é por esta razão que você ser cuidadoso e inteligente na hora de fazer um blog de viagem.

Todas as etapas deste tutorial de Como fazer um blog de viagem são essenciais, seja nome do blog e do domínio, escolher a empresa de hospedagem e uma plataforma. Isto tudo deve ser feito antes de começar a escrever, então dedique o seu melhor nisto.

Você ainda tem dúvida sobre como fazer um blog de viagem usando o WordPress? Vamos falar sobre isto nos comentários abaixo.

Ariane G.

Ariane é jornalista, analista de conteúdo & SEO na Hostinger Brasil e tem o papel de contar para todo mundo o poder transformador da internet. Com foco em otimização, produção para web e técnicas de SEO, divide os dias entre pesquisas de palavras-chave e passagens aéreas (ela ama viajar).

Deixe um Comentário

Deixe seu comentário!

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

Comece a Economizar Agora!

Hospedagem com tudo incluso e nome de domínio
R$3
12
/mês*

Junte-se a centenas de inscritos em todo o mundo

e receba um resumo dos tutoriais mais recentes direto para o seu e-mail

Please wait...

Obrigado por se inscrever!

[href]
[href]