Como Descompactar um Arquivo no Windows e no macOS

Como Descompactar um Arquivo no Windows e no macOS

Quando a gente baixa um arquivo, é comum que ele venha num formato .rar ou .zip. Se você não sabe o que isso significa ou está tendo dificuldades para abri-los, veio para o lugar certo! Este artigo vai explicar como descompactar um arquivo usando os programas padrão do Windows e do macOS, assim como aplicativos de terceiros.

Baixar eBook: Como Criar seu Primeiro Site em 9 Passos Fáceis

Duas Maneiras de Descompactar Arquivos

Existem duas maneiras de extrair arquivos compactados:

  1. Usando o programa do próprio sistema operacional
  2. Usando ferramentas de terceiros

Vamos dar uma olhada em cada uma dessas opções com mais detalhes.

1. Usando o Programa do Próprio SO

Primeiramente, vamos dar uma olhada em como extrair arquivos usando os softwares nativos encontrados no Windows e no macOS. Como você está usando algo que já está no seu computador, não há necessidade de baixar outra ferramenta.

Windows

No Windows, é possível ver o conteúdo de um arquivo zip clicando duas vezes nele, mas ainda é preciso extrair seu conteúdo para usá-lo. O suporte padrão do Windows para .zip atende pelo nome de pastas compactadas (zipadas). Veja como usá-lo:

  1. Clique com o botão direito no arquivo que você quer extrair e clique em Extrair Tudo.
  2. Escolha o diretório onde você quer manter os arquivos extraídos e clique em Extrair. É opcional marcar a caixa de seleção abaixo para ver o conteúdo imediatamente após a extração.
  3. Os arquivos que estavam dentro do .zip agora podem ser encontrados no local escolhido no passo dois.
    como descompactar um arquivo zip no windows

macOS

O Archive Utility é uma ferramenta incorporada do Mac que lida com o formato .zip. Para descompactar um arquivo, siga estes passos:

  1. Clique duas vezes no arquivo que você quer descompactar
  2. Após a extração, o arquivo vai aparecer na mesma pasta do zip.
    como descompactar um arquivo zip no macos

Se você quer mudar o local da pasta padrão, acesse Disco Rígido Interno -> Sistema -> Biblioteca -> Serviços Essenciais -> Archive Utiliy. Ali, selecione Preferências e escolha o local desejado clicando na opção ao lado de Salvar Arquivos Expandidos.

tela de configurações do archive utility no macos

Se você está usando Linux, leia aqui um guia aprofundado sobre como descompactar seus arquivos.

2. Usando uma Ferramenta de Terceiros

Não é necessário baixar ferramentas de terceiros para extrair um .zip, mas elas possuem recursos adicionais que permitem customizar seus arquivos, protegê-los com senha e até repará-los.

Abaixo estão as nossas recomendações.

7-Zip

Este compactador de arquivos é um programa gratuito e de código aberto que tem uma taxa de compressão de 2% a 10% superior, se comparado ao WinZip e o PKZip. Ele também tem sua própria extensão 7z que comprime dados entre 30% e 70% melhor que o formato .zip.

O programa está apenas disponível para Windows, mas também tem um port para a linha de comando Linux/Posix chamado p7zip.

Para descompactar usando essa ferramenta, siga estes passos:

  1. Clique com o botão direito no arquivo que você deseja extrair. Depois de instalado, o 7-Zip deve estar listado no menu de contexto.
  2. Passe com o mouse sobre o nome do programa e você verá um menu suspenso com múltiplos comandos. Clique em Extrair Arquivos.
  3. No próximo menu, escolha o local aonde irá salvá-los clicando nos três pontos, ou não mexa em nada para deixá-los na mesma pasta que o zip original. Clique em OK.
  4. Também é possível escolher Extrair Aqui para salvar imediatamente o seu arquivo no local do zip ou em Extrair para [Nome do Arquivo] para fazer uma pasta com os dados extraídos.

Zipware

Assim como o 7-Zip, o Zipware é um programa exclusivo do Windows. Contudo, ele tem alguns recursos que se destacam, como um gerenciador de arquivos simplificado, um gerenciador de senhas, um escaneador de vírus e conversão de todos os formatos compatíveis para .zip, .exe ou .7z.

Novamente o processo de descompressão usando essa ferramenta segue o mesmo método das anteriores, com opções levemente diferentes:

  • Extrair para esta pasta – para extração imediata para o local do zip.
  • Extrair para esta pasta + \Nomedoarquivo\ – tem um efeito similar, mas com uma pasta criada a partir do arquivo.
  • Extrair para outro… – abre um menu suspenso para escolher outro local.

Independente da ferramenta que você usar, é uma boa prática deletar o arquivo .zip depois que você extrair o seu conteúdo, já que manter ambos em seu PC vai consumir mais espaço.

O Que é um Arquivo .zip?

Um .zip é arquivo que contém um ou mais arquivos compridos em busca de reduzir os seus tamanhos. Comprimir um arquivo serve para economizar até 80% ou mais espaço de armazenamento.

Adicionalmente, a compressão de grandes arquivos permite que usuários os enviem de maneira mais rápida pela internet. Isso ainda reduz a chance deles serem corrompidos no processo. Os usuários também podem utilizar um formato .zip para criptografar seus dados e ter maior segurança.

Existem diversos softwares que podem ser usados para descompactar um arquivo. Contudo, o seu computador geralmente já está equipado com um programa que pode executar a tarefa perfeitamente bem.

Conclusão

Um arquivo zip é um método de compactação útil para economizar espaço, já que ele comprime o tamanho dos arquivos.

Você pode descompactar seus zips usando configurações padrões do Windows e do macOS, ou usando softwares de terceiros como o Zipware e o 7-Zip.

O processo em si demanda apenas alguns cliques, então você pode realizar essa tarefa rapidinho.

Como Descompactar Arquivos –  Perguntas Frequentes

Nesta seção, vamos responder algumas perguntas comuns sobre a compactação de arquivos.

Quais são os formatos mais populares de compactação de arquivos?

Existem diversos formatos de compactação de arquivos, mas estes aqui são os mais populares:
RAR – suporta divisão em múltiplos volumes e oferece funcionalidades de recuperação de erros.
ZIP – popular entre usuários de desktop, já que é suportado pelos principais sistemas operacionais. Apesar disso, exige software proprietário para compressão e arquivamento.
7Z – suporta operações utilizando múltiplos núcleos da CPU para uma taxa ideal de compressão.
TAR – um formato de arquivamento baseado em Linux, geralmente usado junto do algoritmo GZIP para compressão de arquivos.

Como funciona a compactação de arquivos?

O processo de compactação envolve combinar múltiplos arquivos e tratá-los como se fossem um só. Fazer isso permite que você execute diversas ações com esses arquivos de maneira mais eficiente. Isso inclui compressão, criptografia e transferência de dados, entre outras coisas.

Esse processo geralmente é feito compactando os arquivos de destino para facilitar o gerenciamento. A estrutura original de dados vai ser preservada ou não dependendo se o método utilizado for lossy (com perdas) ou lossless (sem perdas).

Author
O autor

Carlos E.

Carlos Estrella é formado em jornalismo pela UFSC e tem as funções de redator, tradutor e SEO na Hostinger Brasil. Já trabalhou com jornalismo de games e tecnologia e hoje aplica essa experiência escrevendo posts e tutoriais no blog da Hostinger. Suas paixões incluem games, dar rolês com a namorada e amigos e ler artigos aleatórios da Wikipédia de madrugada.