Como Criar uma Marca: Guia Completo para a Gestão de Marca de uma Empresa

Ainda que o processo de criação de um negócio tenha se tornado cada vez mais acessível nos últimos anos, as práticas bem sucedidas de criação de marca podem determinar a diferença entre uma empresa não estruturada e uma empresa já consolidada no mercado.

Se você não conhece as várias estratégias de gestão de marca (branding), pode ser um tanto confuso descobrir quais os passos necessários para criar uma marca.

Para te ajudar, trouxemos aqui tudo o que você precisa saber para criar uma identidade da marca forte para a sua empresa.

O que é uma Marca?

Muitas pessoas confundem marca com o logo ou o nome de uma empresa. Embora esse seja um aspecto relevante da gestão de marca, a prática vai além do design de logos e criação de slogans.

A gestão de marca é uma forma de conquistar uma boa reputação e promover uma relação significativa com seus clientes. Ela abrange a imagem que você deseja passa aos seus seguidores e como a sua empresa se identifica e diferencia das suas concorrentes.

Em sua essência, uma forte gestão de marca ajuda os clientes a entenderam, imediatamente, o objetivo do seu negócio e quais os benefícios que oferece a eles.

Se ao pensar na Starbucks, você a associa ao seu logo icônico ou à qualidade e sabor dos seus produtos, por exemplo, isso quer dizer que a gestão de marca da empresa é forte o bastante para fazê-la ser reconhecida no mundo todo. Ao longo dos anos, os clientes começaram a ter expectativas do tipo de qualidade de serviço que uma marca poderosa tem.

Starbucks site - vamos falar de café

Vantagens de Criar uma Marca Forte

Uma marca consolidada constrói a sua reputação, conquista a confiança e traz maravilhas para as relações e a fidelidade dos clientes. Trabalhar a gestão de marca é extremamente necessário para uma pequena empresa, pois você terá que conquistar potenciais clientes antes mesmo de eles confiarem mais na sua empresa que em outros nomes já consolidados no mercado.

A identidade da marca também precisa e possibilita a consistência, pois você precisará determinar os valores exatos e uma visão para o seu negócio ao criar sua marca.

Abaixo trouxemos mais algumas vantagens de estabelecer uma forte gestão de marca:

  • Aumenta a credibilidade da sua marca. Marcas consolidadas são consideradas de maior credibilidade. As pessoas tendem a comprar seus produtos quando sua empresa tem uma boa reputação.
  • Melhora o reconhecimento e a exposição. As pessoas costumam recomendar aos seus amigos e familiares marcas que eles gostam muito. O marketing de boca a boca aumenta o alcance da sua marca e atrai potenciais clientes (leads).
  • Atrai clientes ideais. É mais fácil ainda atrair clientes que têm ideias afins quando os seus clientes conhecem bem os valores e missões da sua empresa.
  • Promove vendas e negócios recorrentes. Uma boa identidade de marca pode atrair clientes fieis e constantes.
  • Aumenta os lucros. Em geral, uma boa gestão de marca aumenta suas vendas e, consequentemente, seus lucros. Em outras palavras, as pessoas preferem comprar produtos de uma marca que eles já ouviram falar antes.

Como Criar uma Marca Profissional

Criar uma forte identidade de marca é um processo demorado que inclui definir os seus objetivos e valores, pesquisar o mercado-alvo, contar uma história convincente da marca e, por fim, desenhar a sua marca de maneira eficaz e coerente com os elementos citados anteriormente.

Para ajudar você a entender melhor esse processo, vamos revisar os sete passos fundamentais para criar sua marca.

1. Defina os Objetivos e os Valores da sua Empresa

Antes de começar de vez a tarefa de criar sua marca, é muito importante que você esteja totalmente consciente dos objetivos e valores da sua empresa. Isso vai te ajudar a entender o objetivo final do seu negócio e quais medidas devem ser tomadas para que eles sejam alcançados com sucesso.

Os objetivos e valores da sua empresa também são fundamentais para a identidade da sua marca, já que são eles são úteis para avaliar se a empresa está ou não realizando seus objetivos.

A seguir estão algumas declarações que você pode criar para você alcançar os objetivos e valores da sua empesa:

  • Declaração de visão. Uma declaração de visão é basicamente uma descrição ampla do que a empresa busca ser — pense no objetivo final do seu empreendimento.
  • Declaração de missão. Uma declaração de missão define o impacto que os seus produtos terão nos seus clientes e por que isso é importante. Além disso, essa declaração pode incluir medidas práticas a serem tomadas no dia a dia para cumprir a visão da empresa.
  • Declaração de valores. Essa declaração define os princípios e o código de ética nos quais a sua empresa se baseia. É essa declaração que deve ser seguida pela empresa e pelos seus funcionários durante os seus dias de funcionamento.

Ao escrever essas declarações, comece definindo o que a sua empresa faz pelos seus clientes e identifique seus objetivos a longo prazo. Em seguida, proponha medidas para atingir essas metas e divida-as em objetivos práticos.

2. Pesquise o Público-Alvo

O próximo passo é pesquisa o seu público-alvo — defina quem o perfil de pessoas que você busca cativar e o que é preciso fazer para atender às necessidades delas. Com isso, você consegue entender o que esses potenciais clientes podem procurar na sua empresa e que tipo de marca deve ser criada para chamar a atenção deles.

Ao pesquisar os mercados-alvo, é muito importante que você seja específico. Por exemplo, em vez de focar em amantes de moda no geral, foque em um grupo em específico que adora coleções vintage.

Uma das melhores formas de realizar uma pesquisa de mercado é definir um comprador ou uma persona de usuário. Ela representa o perfil do seu usuário médio, criado a partir das preferências e interesses dos clientes.

Para criar uma persona, comece coletando dados do seu público-alvo. Descubra seus padrões de comportamento e no que eles se interessam. Depois de coletar todas as informações necessárias, crie e descreva a persona do comprador final.

Se quiser ir mais longe, crie várias personas com diferentes padrões de comportamento e preferências para analisar qual grupo reagirá melhor à sua marca e aos seus produtos.

3. Estude a Concorrência

Estar por dentro do que a concorrência faz e oferece é essencial na hora de elaborar um projeto de desenvolvimento de uma marca. Saber o que os clientes e o mercado acham dessas empresas, o que elas oferecem ou não, tudo isso pode te ajudar a se destacar entre os concorrentes.

Quando o assunto é desenvolvimento de marca é preciso que você pesquisa a posição do seu concorrente no mercado. É isso que fortalece a identidade de marca e desempenha um papel importante em como os clientes enxergam e percebem uma empresa em comparação aos seus concorrentes.

Anote os objetivos, estratégias e o público-alvo da sua concorrência. Fazer a análise SWOT (ou FOFA, em português) ajuda a identificar suas forças (strengths), fraquezas (weaknesses), oportunidades (opportunities) e ameaças (threats). Essas informações te auxiliam a encontrar lacunas e falhas no mercado que a sua empresa pode apresentar soluções.

4. Defina o seu Posicionamento e a Imagem da Marca

Depois de ter traçado uma ideia clara dos objetivos de longo prazo da sua empresa, o mercado-alvo e quem são os seus concorrentes, é hora de definir seu posicionamento no mercado e a imagem da sua marca. Você precisa fazer o seguinte:

Determinar o Posicionamento de Mercado da Marca, Produtos e Serviços

Como já falamos anteriormente, o posicionamento de mercado é a forma como os clientes percebem a imagem e a identidade da sua marca. É o que diferencia a sua marca das demais empresas do mesmo ramo. Isso pode definido pelo preço, pelo tipo de produto, pela qualidade, e assim por diante.

O posicionamento de mercado pode ser regulado por meio de uma estratégia que envolva marketing e divulgação de produtos de uma única forma para estabelecer uma imagem de marca dentro do seu público-alvo.

Para isso, você precisará encontrar o que distingue a sua marca da concorrência. Encontre distinções únicas e exclusivas da sua marca, dos seus produtos e serviços, e os destaque quando for promover a sua marca.

Proposta de Venda Única (USP, sigla em inglês)

Uma proposta de venda única é o que separa a sua marca dos seus concorrentes. É o que você oferece que nenhuma outra empresa oferece.

Uma USP deve destacar as vantagens exclusivas que os terão ao consumirem os produtos e /ou serviços da sua marca.

Para encontrar a sua USP, faça um brainstorm e descubra todas as características que tornam a sua marca única e a partir da perspectiva do seu cliente. Utilize os dados que você coletou a partir da sua pesquisa de mercado-alvo e defina o que os seus clientes podem esperar da sua empresa.

Depois, pense em como a marca pode atender às necessidades dos clientes de forma mais prática e mais precisa em comparação com a sua concorrência.

Criar Diretrizes e Procedimentos Internos para a Marca

Diretrizes internas de uma marca estabelecem padrões de como a sua empresa funciona. É uma forma que os seus funcionários e colaboradores que trabalham com a sua marca de entender os seus objetivos e valores.

Esses procedimentos devem, ainda, estabelecer expectativas sobre como os funcionários devem agir de acordo com os valores estabelecidos nas diretrizes.

A identidade da sua marca se estabelecerá muito mais rápido quando cada um dos funcionários estiverem bem informados e cientes do que eles precisam fazer e as razões por trás dessa expectativa. Aqui estão algumas dicas de como criar diretrizes da sua marca para a sua empresa:

  • Utilize a declaração de missão e os valores da sua marca como a base para a sua empresa.
  • Leve em consideração as opiniões e contribuições dos seus funcionários durante a elaboração das diretrizes e a criação da marca.
  • Crie uma cultura forte e saudável junto com os seus funcionários.
  • Recompense s funcionários de alto desempenho para que eles estejam sempre interessados em investir mais esforços na marca.

5. Implemente uma Comunicação Efetiva da Marca

A forma como você se comunica com a sua marca desempenha um papel crucial na forma como os clientes a percebem. Uma comunicação clara e efetiva da marca aumenta a confiança dos seus clientes e fortalece a credibilidade da marca.

Para fazer sua marca se comunicar de maneira efetiva, confira as nossas dicas a seguir para melhorar a estratégia de comunicação da sua marca.

Descubra o Tom e a Voz da sua Marca

Achar a voz da sua marca não é só descobrir o que você precisa falar com os seus clientes. Mas é como a sua empresa se comunica com os clientes, com base na identidade e personalidade da sua marca.

Já o tom da sua marca descreve a forma como a voz dela é usada. Enquanto a voz de uma marca precisa permanecer consistente, o seu tom pode mudar dependendo das circunstâncias em que sua marca se encontra.

Por exemplo, ao fazer marketing nas redes sociais, o tom adequado para esse tipo de mídia é simpático e descontraído, já em u ambiente mais sério, é preciso que o tom seja mais profissional.

Para encontrar a voz e o tom da sua marca, pense nos valores dela e como você quer que os seus clientes percebam, sua marca.

Pense nos adjetivos que melhor descrevem a marca. Pode ser educativa, divertida, inspiradora, criativa, rica em conteúdo, etc.

Conte uma história de marca convincente

Uma boa história de marca deve mostrar aos clientes como a sua marca oferece vantagens a eles por meio de uma narrativa que pode desencadear uma reação mais emocional.

É possível contar a história da sua marca de várias formas: você pode criar uma página dedicada somente a isso, publicar um vídeo, postar nas redes sociais, e muitas outras ideias. Veja alguns elementos-chave para uma forte história de marca:

  • Apresente os problemas que a sua marca enfrentou e quais soluções você encontrou para superá-los.
  • Explique como a sua marca irá resolver os eventuais problemas dos seus clientes.
  • Interaja com os seus clientes e os conquiste com o que a sua marca tem a oferecer.

Crie um Slogan Atrativo que Exponha a USP da sua Empresa

Um slogan é uma frase simples e contagiante que uma marca usa para ser associada à sua imagem. Ele é usado também para apontar as vantagens ou a visão que você quer que os seus clientes associem à sua marca.

Veja a seguir algumas dicas que preparamos para ajudar você a criar um slogan único e cativante para a sua marca:

  • Foque no que diferencia a sua marca dos seus concorrentes.
  • Seja breve e objetivo. É fundamental que seu slogan seja marcante.
  • Destaque o que a sua marca oferece de melhor.
  • Concentre no que você espera que os seus clientes sintam ao ouvir o slogan.

Se você tiver muita dificuldade em pensar em um bom slogan, usar um gerador de slogan online pode te dar boas pistas e estimular sua criatividade.

6. Faça o layout dos Elementos Visuais da Marca

Outra maneira de comunicar a sua marca é por meio da sua aparência e identidade visual. Esses elementos incluem logos, paleta de cores, layouts, fontes, linguagem da marca, e assim por diante.

Trouxemos algumas dicas úteis para você fazer um layout perfeito e que represente a sua marca:

Mantenha uma Linguagem de Design Consistente

Uma linguagem de design conecta todos os elementos do design visual da sua marca. Ela determina como a sua marca se comunica com o seu público.

A linguagem de marca se refere a frases, slogans, imagens e a outras vários elementos que uma marca usa para definir o seu objetivo, propósito e apresentar os seus produtos e serviços.

Ela também exerce uma função dinâmica na forma como os clientes percebem a empresa e define a personalidade da marca. Em outras palavras, escolher o vocabulário e o tom certo é muito importante.

Veja algumas perguntas fundamentais ao decidir que tipo de linguagem de marca a empresa deve usar:

  • Quem é o seu público-alvo? Defina as necessidades de seu público-alvo a partir da sua marca, seja por promessas convincentes, descrições detalhadas dos produtos, avaliações confiáveis, ou qualquer outra exigência específica.
  • O que a sua marca significa? Se a identidade de sua marca está relacionada a um ambiente de marketing mais sério, use um tom profissional ao se comunicar. Mas se você está tentando soar mais casual, é melhor usar uma linguagem mais descontraída e informal.

Crie um Logo Marcante

Você pode até achar que ter um logo não é prioridade, mas ele ajuda as pessoas a lembrarem da sua marca com mais facilidade. Ter um logo marcante pode trazer vários benefícios durante o processo de criação da marca de uma empresa.

Criar o logo perfeito para a sua marca leva tempo. Há algumas coisas que você precisa levar em conta antes de criá-lo, como decidir o design do seu logo e escolher as fontes e a paleta de cor certa.

Um bom logo chama a atenção, causa uma forte impressão e é difícil de ser esquecido. Ele também deve te destacar dos seus concorrentes.

Veja algumas dicas de como criar um logo marcante para a sua empresa:

  • Estude seus competidores. Dê uma olhada nos logos de outras empresas e anote o que você gostou ou não nos designs deles, desta forma, você consegue chegar ao seu próprio conceito.
  • Defina a personalidade da sua marca. Reforce as características que tornam a sua empresa diferente das demais. Se a sua marca vende produtos orgânicos, use uma imagem de legumes frescos para reforçar essa ideia ou use a palavra “Orgânico” no logo.
  • Escolha o esquema de cores e as fontes certas. Escolher as cores e contes erradas pode causar muita distração e faz com que o logo fique menos atraente ou pareça mal feito. É melhor ficar sempre com as combinações de cores ideais para sites, com elas, não tem erro.
  • Torne seu logo único e marcante. Designs únicos deixam uma impressão duradoura na maioria das pessoas. Experimente diferentes padrões, designs e fontes, escolha o que mais chamou a atenção dos seus potenciais clientes.
  • Evite exageros. Quando se trata de logos, menos sempre é mais. Evite encher demais o seu logo com elementos e textos desnecessários. Em vez disso, concentre-se em criar um design limpo, que combine com qualquer produto ou site.

Criar o Site da Empresa para Fortalecer a Sua Marca

Ter um site para a sua empresa é sempre uma ótima estratégia para fortalecer sua marca — ele atrai mais clientes, aumenta as taxas de conversão e dá credibilidade à sua empresa.  O site também aumenta a consciência e reconhecimento de marca, principalmente se o site estiver no topo dos resultados de pesquisa do Google.

Criar um site é muito fácil, graças aos criadores de sites e às plataformas CMS. Essas ferramentas oferecem soluções baratas e rápidas para a criação de um site. A maioria conta com ferramentas de criação de sites, modelos personalizáveis grátis, e outros recursos essenciais para criar um site.

Um site profissional também ajuda a estabelecer a sua marca. Se o seu site foi criado e otimizado adequadamente, ele poderá ajudar a fortalecer a presença e a identidade da sua marca.

Esse tipo de gestão de marca no site envolve posicionar seu logo e slogan de forma adequada e exibir a mensagem da sua marca por todo o site.

7. Divulgue a Marca de Forma Eficiente em Todos os Canais de Marketing

Ao criar uma marca, uma das formas mais eficazes de divulgar uma empresa hoje em dia é através das redes sociais. Não é caro, o alcance do público é maior e é relativamente fácil de se fazer.

Marketing nas Redes Sociais

O marketing nas redes sociais é um dos melhores exemplos do marketing digital. As plataformas de redes sociais, principalmente o Twitter, o Facebook e o Instagram podem trazer um aumento significativa da consciência de marca à sua empresa.

Ao compartilhar e criar conteúdo nessas redes sociais, você pode aumentar o reconhecimento de marca, gerar engajamento dos seus clientes e fortalecer a credibilidade da sua marca.

Existem várias formas de divulgar sua marca nas redes sociais: escrever publicações divertidas e que façam os seus seguidores se identificarem, interagir com os seus clientes, ficar antenado nos assuntos do momento, e fazer parcerias com influenciadores. Esses são só alguns exemplos do que você pode fazer com as redes sociais.

Outros Canais de Marketing

O marketing de redes sociais não é a única forma de promover a sua marca na internet. Trouxemos outros canais de marketing digital são bastante eficazes e que valem a pena experimentar:

  • E-mail marketing. Crie uma lista de e-mails para enviar newsletters apresentando os novos produtos da sua marca e atualizações para os seus leitores. Essa é uma ótima maneira de aumentar as vendas e fortalecer a relação entre a sua marca e os seus clientes. Crie uma conta para serviços de e-mail marketing, como o SendinBlue, o Drip ou o Mailchimp para começar a fazer campanhas de marketing. Ofereça incentivos, como produtos ou serviços grátis ou códigos promocionais para as pessoas se inscreverem na sua lista de e-mails. Envie newsletters com assuntos chamativos para aumentar a taxa de abertura de e-mail.
  • Marketing de conteúdo. Fortaleça a relação que você tem com o seu cliente criando conteúdo que os incentive a ter mais confiança nos seus produtos e na sua marca. Você pode gerar mais leads (ou potenciais consumidores) e reforçar a confiança de marca. Crie uma seção no seu site dedicada somente ao blog da marca e produza conteúdos informativos coerentes e de qualidade, como artigos de resenhas de produtos e tutoriais. Você ainda pode criar um conteúdo em vídeo para aumentar as taxas de engajamento como parte da sua estratégia de marca.
  • Publicidade paga. Dê mais visibilidade à sua marca e ao seu site ao comprar um espaço publicitário nas páginas de resultados de mecanismos de pesquisa (SERPs, sigla em inglês). O tipo de publicidade paga mais conhecida é a paga por clique (PPC), onde os anunciantes são cobrados pelo número de cliques que seus anúncios recebem. Faça uma conta nas redes publicitárias, como o Google AdSense como anunciante e crie manchetes cativantes para atrair mais pessoas para o seu site.

8. Exemplos de Estratégias Bem Sucedidas de Criação de Marca

Quando se trata de desenvolvimento de marca, cada uma tem a sua abordagem. Vamos agora apresentar oito exemplos de gestão bem sucedida de marcas.

Falaremos sobre os diferentes tipos de estratégia de marca e posicionamento de mercado que cada uma das marcas usa e quais delas funcionam muito bem.

1. Apple

O logo icônico da Apple é conhecido mundialmente, ela é um dos símbolos da indústria de dispositivos eletrônico e uma das marcas mais bem sucedidas da atualidade. A maioria das pessoas associam imediatamente o sucesso extremo da marca à alta qualidade dos seus dispositivos, recursos inovadores e design moderno e elegante.

A Apple tem como alvo clientes que compartilham os mesmos valores. A marca destaca, intencionalmente, os recursos e as qualidades específicas que a sua base de clientes espera — simplicidade, confiabilidade e facilidade de uso.

Graças às suas inovações constantes em tecnologia e design, a marca tem milhões de clientes fieis no mundo todo, mesmo com produtos com o valor acima da média.

Se você acessar o site da Apple e explorar a seção de produto, você vai notar que a empresa, na maioria das vezes, não mostra os preços fixos logo de cara para não relacionar à sua marca — é preciso clicar em um botão separado para saber quanto aquele produto custa. A Apple quer que os seus clientes foquem nos valores e nas vantagens dos seus produtos, não o preço.

Pois assim que o cliente se convence de que precisa dos recursos e das vantagens que um produto Apple oferece, o preço já não é mais a prioridade.

Loja virtual da Apple

2. Gucci

A Gucci é uma marca de moda de luxo conhecida pela qualidade de seus artigos de moda, como bolsas de mão, roupas, sapatos e acessórios. Seu público-alvo é formado por pessoas com maior poder de compra, com um estilo único e caro.

A marca é conhecida por seu artesanato de alta qualidade e autenticidade. A Gucci continua fiel à sua imagem, que se concentra na sofisticação, prestígio e produtos de alta qualidade, mesmo com o número crescente de marcas e concorrentes de moda mais acessíveis.

A estratégia adotada no nome da marca a torna bastante popular entre os influenciadores, celebridades e fashionistas. Graças ao seu prestígio e exclusividade, a Gucci conquistou uma legião de seguidores fieis, que sempre comprarão seus produtos assim que forem lançados.

3. Starbucks

Quando se pensa em café, muitas pessoas associam ao nome “Starbucks”. A marca é conhecida pelo design clássico de sua loja, seu ambiente aconchegante, autenticidade e qualidade premium de seu café, e rápido atendimento.

A Starbucks tem esse mesmo padrão de qualidade em todas as suas lojas espalhadas pelo mundo. Isso faz com que a marca seja facilmente acessível e reconhecida de qualquer lugar.

Mesmo quando seus clientes viajam para outro país, eles podem encontrar com facilidade uma loja Starbucks e pedir “o de sempre” porque sabem que a qualidade continua a mesma. Isso resulta em uma imagem de conveniência e confiança da marca.

Embora os preços sejam maiores que de outras cafeterias, a marca tem uma grande quantidade de clientes fiéis. Seus seguidores são, em sua maioria, formados pela Geração Y (os Millennials), que estão dispostos a pagar mais caro por um café premium.

Esse é um exemplo de que oferecer serviços e produtos premium pode valorizar a sua marca desde que seu público-alvo seja adequado para o seu ramo.

4. McDonald’s

O McDonald’s é uma das maiores cadeias de fast-food até o momento. É conhecida por seu preço acessível e de comida rápida que atende a quase todas as faixas etárias. O McDonald’s também mantém o mesmo logotipo distintivo em todos os países onde opera, tornando seus estabelecimentos e produtos facilmente reconhecíveis.

Ao longo dos anos, o McDonald’s encontrou formas criativas de atender ao seu público global, adaptando-se a diferentes culturas. Eles têm opções de menus especiais em países específicos que valorizam a cultura e a gastronomia local.

Por exemplo, na Índia, onde a maioria das pessoas não comem carne bovina, a marca teve que substituir seus hambúrgueres de carne bovina por frango, peixe e vegetais. Este equilíbrio cultural é o que faz do McDonald’s uma das marcas globais mais fortes do mundo.

McDonald's Brasil landing page

5. Nike

A Nike é uma das marcas líderes no mundo da moda desportiva. A marca se orgulha de produzir roupas e equipamentos esportivos de primeira qualidade.

Em parceria com grandes nomes do esporte como Michael Jordan, a Nike conseguiu elevar seu conhecimento da marca e sua associação com atletas famosos ao mais alto nível.

Com seu famoso slogan “Just Do It” e o logotipo icônico que lembra um sinal de visto — o nome do símbolo é Swoosh —, a marca tem repercussão em quase todo o mundo. Mesmo que seu slogan tenha diversas interpretações, o ditado cria uma conexão entre a marca e seus consumidores, transmitindo uma mensagem positiva e motivadora.

A Nike também usa estratégias de branding emocional, isto é, estabelece relações com os seus clientes por meio de emoções e reações para manter a fidelidade dos seus clientes. As campanhas publicitárias da marca focam no empoderamento de seus clientes, incentivando-os a dar o melhor de si mesmos por meio dos seus produtos.

A última campanha da Nike foi intitulada “Nada pode parar a gente” é um dos melhores exemplos de branding emocional.

6. Coca-Cola

A Coca-Cola é uma marca que se orgulha do seu slogan — felicidade e compartilhamento. Por meio da sua campanha publicitária bastante conhecida no Brasil “Abra a Felicidade”, a marca tenta trazer a ideia de que há felicidade em momentos simples da vida, um deles é celebrar a vida dando um gole numa Coca-Cola bem gelada e compartilhar com quem se ama.

Com essa estratégia de branding emocional e campanhas publicitárias, a marca consegue se conectar com os clientes de forma mais íntima e, ao mesmo tempo, promover seu produto.

Conclusão

Embora a criação de uma marca exija muito investimento, ela é um dos passos mais decisivos para estabelecer sua empresa no mercado.

Para que a sua empresa seja bem sucedida e se destaque da concorrência, você precisará criar uma identidade de marca, a marca do seu produto e da sua empresa, elaborar a história de marca e, por fim, desenvolver a sua marca.

Neste artigo, apresentamos sete passos simples de como criar uma marca para a sua empresa. Abaixo trouxemos um resumo do que foi discutido:

  1. Defina os objetivos e valores da sua empresa.
  2. Pesquise bem o seu público-alvo.
  3. Estude os seus concorrentes e explora todas as possibilidades.
  4. Defina o posicionamento e a imagem da marca.
  5. Estabeleça uma estratégia efetiva de comunicação da sua marca.
  6. Desenhe os elementos visuais da sua marca, como paleta de cores e o logo.
  7. Divulgue sua marca nos vários canais de marketing disponíveis.

Também falamos sobre as vantagens de desenvolver uma marca usando alguns exemplos populares de marcas bem sucedidas e explicamos quais as estratégias usadas por cada uma delas.

Esperamos que este artigo incentive você a começar a criar uma marca para o seu negócio. Boa sorte!

Author
O autor

Bruna Vidanya

Bruna Vidanya é estudante de Letras Tradução Inglês na Universidade de Brasília, e trabalha como tradutora na Hostinger Brasil. Já estagiou como tradutora no Senado Federal e teve sua primeira tradução de um livro infanto-juvenil publicada pela Livraria Senado Federal. É apaixonada por tecnologia e agora demonstra sua paixão escrevendo artigos para o blog da Hostinger com muito carinho. Nas horas vagas, Vidanya ama ficar com seus dois cachorrinhos, Madonna e Snoop, ver séries (as sitcoms são suas favoritas). Um fato curioso sobre a autora: seu primeiro bichinho de estimação foi um galo Garnisé, chamado Chico Liro.