Marketing de Afiliados: Guia Para Iniciantes

Marketing de Afiliados: Guia Para Iniciantes

O Marketing de Afiliados já se consolidou como um caminho sólido para empreendedores individuais, blogueiros e criadores de conteúdo. Essa prática pode ser muito atrativa para ganhar dinheiro online. Mas, se você não fizer um planejamento antecipado, seus esforços pode ser em vão.

Neste artigo, vamos dar um curso intensivo sobre os fundamentos do marketing de afiliados. E mostrar algumas formas de como você pode começar hoje mesmo. 

Vamos começar!

O Que É Marketing de Afiliados?

como funciona o marketing de afiliados

De uma forma bem simples, o marketing de afiliados é um método no qual você ganha dinheiro online promovendo produtos, serviços, sites ou negócios. Você recebe comissões por cada venda realizada.

Um dos exemplos mais comuns dessa prática são links referenciados posicionados estrategicamente no seu seu blog ou site, que levam os usuários para um site externo. Se o usuário comprar algo, é você quem recebe uma comissão pela compra.

Existem outras variações disso – perguntar ao usuário para fazer algum tipo de ação, como se inscrever em algo, preencher formulários ou conseguir endereços de email. Geralmente, existe um link de algum produto ou serviço de afiliado nesse processo.

Para o valor da comissão, tudo depende do próprio programa de afiliado. Alguns dão uma porcentagem pela venda. Outros oferecem uma comissão fixa para cada conversão.

Monitorar essas conversões pode ser feito de várias maneiras. Uma delas é usar um link único com um código que apenas você consegue rastrear de onde a conversão foi feita.

Outros podem fornecer um código de cupom, também único, que os usuários podem usar e que permitem que você conheça de onde as transações estão aparecendo.    

Exemplos de Marketing de Afiliados

Agora você já tem uma ideia mais clara de o que é marketing de afiliados. Mas como exatamente ele funciona no mundo real?

Bem, aqui estão dois exemplos em como o marketing de afiliados é feito pela internet.

Usar Ads ou Banners Para Promover

exemplo de afiliados com banner

Esse é o exemplo mais fácil e direto de promover produtos de afiliados. Seja um blog ou um site pessoal, você pode promover produtos de afiliados simplesmente posicionando banners e publicidade pelas páginas.

Os visitantes que estão interessados no produto/serviço vão clicar no banner ou na publicidade. Assim, eles são redirecionados para a página do comerciante, de onde podem comprar o que for de interesse. Se a compra for realizada, vocẽ recebe uma comissão por isso.

Incluir ou Adicionar Links no seu Conteúdo

exemplo de afiliado com links

Outro método de promover produtos ou serviços de afiliados é incluir o link dentro do seu conteúdo. Isso funciona bem, especialmente se você for um blogueiro ou um criador de conteúdo.

Uma das formas mais comuns de fazer isso é posicionar um link para um produto relevante dentro do artigo escrito e publicado. Parecido com isso, você pode criar um conteúdo em um tópico em particular e inclui um link de afiliado para produtos que são úteis para o leitor ou usuário.

Conheça Alguns Termos do Marketing de Afiliados

Antes de mostrarmos a você como começar a trabalhar com marketing de afiliados, existem alguns termos sobre o assunto que você deve se familiarizar.

Se você está realmente considerando aderir à essa prática, conhecer palavras ou termos-chaves vai ajudar você a evitar qualquer confusão.

Alguns dos mais importantes que você deve conhecer são:

Afiliado 

Um afiliado aparece de todas as formas e tamanhos. Mas, geralmente, eles tendem a ser blogueiros, conteudistas em sites ou criadores de conteúdo relacionados à indústria do comerciante.

Os afiliados são aqueles que apresentam os produtos e os serviços de um comerciante ou marca para seu público. Isso é feito com conteúdos que tem a ver com o mercado do comerciante, além de publicidade (ads) e códigos de cupons.

Pagamentos 

Comparado a outros canais, o marketing de afiliados, por ser baseado em desempenho, traz ao comerciante ou marca um alto retorno de investimento (ROI). Isso significa que apenas clientes reais custam dinheiro, não apenas visitas.

Por conta disso, quando muitos afiliados geram uma fatura de uma única transação, tudo pode ficar bastante bagunçado. Podem até haver casos em que afiliados cobram comissão de clientes trazidos por outros afiliados.

Um bom programa de afiliados oferece uma funcionalidade multi-canal capaz de garantir que os afiliados extraiam o máximo de valor dos seus clientes, com pagamentos mais robustos.

Alguns dos métodos de pagamentos mais usados por comerciantes ou marcas são:

  • CPS (Custo por Venda). Você recebe um taxa básica por venda ou uma porcentagem do valor do produto ou do serviço.
  • CPS (Custo por Lead). Você recebe um pagamento por cada lead validado e completado
  • CPC (Custo por Clique). Você recebe um pagamento por levar tráfego ao site do comerciante através de publicidade.
  • CPA (Custo por Ação). Você recebe um pagamento por completar ações anunciadas, como preencher formulários de contato ou pesquisas.

Redes de Afiliados 

A maioria dos programas de marketing de afiliados são administrados e organizados uma rede de afiliados.

Essas redes são bem úteis para um afiliado porque oferecem um banco de dados central com comerciantes disponíveis. E isso torna mais fácil conseguir oportunidades de negócio.

Isso também dá às marcas uma variedade imensa de publicadores (os afiliados). E eles geralmente têm acesso a ferramentas de processamento de pagamento, reembolso, rastreamento, denúncias e gerenciamento de afiliados.  

página de marketing de afiliados da hostinger

Algumas redes são mais conhecidas que outras. Entre elas estão a ShareASales, Clickbank, CJ e até mesmo a Amazon. É claro que, se você preferir um programa de afiliados individual, empresas como a Hostinger oferecem um programa de afiliados que você pode participar.

Marketing de Afiliados: Os Prós e os Contras

Como qualquer outro programa de marketing, existem várias vantagens e desvantagens de usá-los.

Ainda que alguns programadas de afiliados pareçam lucrativos, especialmente para quem tem um blog ou é um empreendedor solo, é sempre uma boa ideia ficar ligado nos prós e nos contras de cada um deles antes de se juntar a um programa.

Prós do Marketing de Afiliados

Se você está interessado em se juntar a um programa de marketing de afiliados, aqui estão algumas das vantagens imediatas:

  • Custos iniciais baixos ou inexistentes. De maneira geral, você não precisa pagar para participar de um programa de afiliados. A maioria das empresas de afiliados vão lidar com o produto ou o serviço afiliado. Isso significa que você não precisa se preocupar com estoques ou gerenciamento de estoques.
  • Fácil de participar. A barreira para entrar em um programa de afiliados é bem baixa. Você só tem que preencher um formulário e, então, já pode começar a promover produtos imediatamente. Só que alguns programas podem ter alguns passos a mais para participar.
  • Sem envio de produtos ou devoluções. Como um afiliado, tudo o que você precisa focar é na promoção da marca, serviço ou produto do comerciante. O produto ou serviço em si é inteiramente controlado e gerenciado pelo comerciante, loja ou marca.
  • Não precisa criar um produto ou serviço. O foco do afiliado é apenas entregar produtos e serviços aos clientes ou consumidores. O comerciante toma conta de todo o resto, já que começar a sua própria loja online pode tomar muito tempo e esforço.  
  • Sem exigências especiais. Contanto que você possa promover produtos e serviços de forma eficiente, você não vai precisar de nenhum treinamento ou permissão. Mas, em todo o caso, criar um site sempre ajuda.
  • Ganhe dinheiro 24/7. Como qualquer outro negócio online, você pode fazer marketing de afiliados a qualquer hora e dia, até mesmo quando estiver dormindo.

Contras do Marketing de Afiliados

Mesmo que seja algo realmente ótimo, o marketing de afiliados não é de todo perfeito. Abaixo estão alguns dos contras de participar de um programa desse tipo:

  • Construir referências leva tempo. Para que um afiliado consiga uma quantidade significativa de dinheiro, vai levar algum tempo para gerar referências suficientes.
  • É preciso ser bom em marketing na internet. Sim, nenhum treino é exigido no processo, mas, se você quer ter sucesso com essa prática, é preciso ser bom (ou pelo menos conhecer) marketing de internet.
  • Conhecimento em programação é necessário. Para adicionar links e publicidade no seu site, blog ou até mesmo lista de email, você precisa conhecer o básico de programação e saber como os códigos funcionam em páginas de internet.
  • Existem restrições de anúncios. Certos programas de afiliados vão impor restrições de publicidade, como não permitir email marketing ou anúncios PPC com palavras-chaves específicas.
  • Existem requisitos de pagamentos. Alguns programas de afiliados vão pagar você apenas quando você alcançar uma quantidade mínima de vendas ou dinheiro.

Marketing de Afiliados: Como Começar a Trabalhar – Primeiros Passos

Por ora, você tem uma boa ideia do que é e como o marketing de afiliados funciona. Mas, como você ganha dinheiro como um afiliado?

Bem, isso é bem fácil, na verdade!

Comparado a outros tipos de negócios na internet, o marketing de afiliados é relativamente fácil de começar, já que você não precisa de muita coisa. Ainda que seja recomendado ter um blog, isso não chega a ser uma obrigação.

Para começar a trabalhar como afiliado, você precisa:

  1. Definir um nicho de mercado. Você tem mais chance de ser bem sucedido se você focar em um tipo específico de mercado.
  2. Procure por produtos e serviços afiliados que são relacionados com o nicho escolhido. Pesquise pela reputação desses programas e como eles cuidam dos clientes e afiliados participantes.
  3. Descubra como você vai promover produtos ou serviços afiliados. A maneira mais fácil é, definitivamente, através de um blog ou um site. Porém, você pode usar outros métodos, como listas de emails e promover esses produtos para os seus assinantes.
  4. Outro jeito seria usar as redes sociais e plataformas como Facebook, Twitter ou Instagram.  
  5. Pesquise e aprenda mais sobre estratégias de marketing para encontrar meios efetivos de compartilhar seu site, blog e links de afiliados.
  6. Como você vai estar ganhando dinheiro de casa, pode ser uma boa ideia conhecer licenças ou leis e negócios na sua área de residência. Assim, você garante que tudo o que você for fazer no seu negócio seja legalmente autorizado e livre de complicações.

Exemplos Sites de Marketing de Afiliados de Sucesso

O marketing de afiliados já existe há algum tempo. Existem centenas de afiliados de sucesso pela internet.

Abaixo, estão 3 grandes exemplos de sites de marketing de afiliados.

Smart Passive Income (Pat Flynn)

pat flynn site de afiliados

O Pat Frlynn usa o seu blog popular (Smart Passive Income) e o seu podcast Smart Passive Podcast) para promover seus produtos e serviços afiliados.

A razão do porquê Flynn é tão bem-sucedido é porque ele recomenda apenas produtos que realmente é familiarizado e apaixonado.

Ele acredita que as redes de afiliados deveriam funcionar assim: oferecer valor significativo, entender o que o usuário quer e precisa, liderar e ensinar com exemplos, e ter confiança mínima no negócio.  

Web Hosting Secret Revealed

site de marketing de afiliados sobre hospedagem

O Web Hosting Secret Revealed (WHSR) é um exemplo de nicho de site de afiliado que foca em conteúdos de hospedagem de sites.

Ele faz reviews (análises), estudos de casos, entrevistas e artigos aprofundados sobre assuntos relacionados ao tema principal.

Como o site já conseguiu criar uma reputação positiva e de confiança na internet, os usuários que acessam a página confiam nas recomendações de produtos e serviços.  

Pinch of Yum

site de comida atua como afiliados

O Pinch of Yum é um blog de culinária atualizado constantemente pelo casal Lindsay e Bjorne Ostrom. Pelas receitas que faz, eles já conseguiram ganhar mais de US$ 800 mil no período de um ano.

Eles alcançaram esse tipo de sucesso usando ads (publicidade), patrocinando conteúdo e parcerias de afiliados com a Amazon. É claro, o ingrediente-chave (sem trocadilhos) para o sucesso deles é o blog com conteúdos de alta qualidade.

Conclusão

Começar no mundo do marketing de afiliados pode ser cansativo se você é um novato completo. Mas, como qualquer outro tipo de negócio, você vai precisar trabalhar duro se quiser ter sucesso.

Lembre-se de que é importante ter paixão e ser bem embasado no nicho que você escolher atuar. Se, por exemplo, ler é o seu hobby, criar um blog de livros pode ser um caminho a seguir. Ou, quem sabe, criar um site de games (ou mesmo um servidor) pode ser uma ótima estratégia.

Com esse guia para iniciantes, você tem agora um entendimento melhor do marketing de afiliados. O próximo passo é colocar tudo em prática e se tornar um profissional na área!

Author
O autor

Andrei L.

Jornalista e conteudista SEO/Localização na Hostinger Brasil. Tem experiência em WordPress e na produção de conteúdos de tecnologia otimizados para conquistar as melhores posições no Google. É fã de games, adora vôlei, ama o inverno e está sempre buscando se aperfeiçoar no Inglês.