Tutoriais

Como Subir um Site para o Servidor (6 Passos Simples)

como subir um site para o servidor em 6 passos

Subir o site para o servidor é um dos primeiros passos para quem deseja publicar sua criação na internet. Este tutorial vai oferecer um exemplo generalizado de como subir um site com ferramentas comuns.

Em resumo, subir um site pode ser feito em 6 passos:

  • 1º Passo: Escolher uma hospedagem de confiança
  • 2º Passo: Escolher o método de upload
  • 3º Passo: Subir e extrair o arquivo do site
  • 4º Passo: Certificar que todos os arquivos estão na pasta public_html
  • 5º Passo: Importar o banco de dados MySQL
  • 6º Passo: Verificar se o site está funcionando

Antes de começar o tutorial você vai precisar de:

  • Acesso ao painel de controle de sua hospedagem.
  • Dos arquivos do site (de preferência nos formatos .zip ou .tar.gz) e do banco de dados (caso teha).
  • Um cliente FTP e as credenciais de acesso.

1º Passo: Escolher uma hospedagem de confiança

1º passo - escolher uma hospedagem de confiança

Antes de mais nada você precisa de uma hospedagem. Criar um site não é uma tarefa qualquer, por isso você precisa de uma hospedagem de qualidade que possua os recursos para impulsionar o seu sucesso na internet.

Essas são algumas características que você deve procurar em uma boa hospedagem:

  1. Suporte instantâneo. Não existe sentimento pior do que ficar travado em um problema e não ter ninguém para ajudar. Se o seu provedor de hospedagem não possui um bom serviço de suporte é provável que você tenha dores de cabeça constantes.
  2. Controle sobre a hospedagem. Quanto menor controle você tiver sobre a sua conta, mais problemas vai ter com o crescimento do site. Isso fica bem nítido quando comparamos WordPress.org com WordPress.com (sua versão self-hosted).
  3. Espaço para crescimento. A maioria dos sites de sucesso não são criados da noite para o dia. Antes de contratar uma hospedagem, certifique que ela oferece soluções de escalabilidade quando for a hora do upgarde (como VPS ou hospedagem cloud).
  4. Garantia de reembolso.  Ninguém gosta de comprar algo que não funciona, então procure por um provedor que possua uma política de reembolso. Assim você tem um tempo para testar a hospedagem antes de tomar a decisão final.
  5. Benefícios extra. Quem não gosta de uma boa oferta? Por exemplo, nós damos um domínio grátis em nossos planos Premium e Business anuais (o plano Business inclui um certificado SSL vitalício grátis também!). Em resumo, quanto mais benefícios, melhor.

Como veteranos no ramo de hospedagem, temos tudo isso e muito mais!

Confira nossas Promoções de Black Friday e veja nossas ofertas imperdíveis.

Comece Agora

2º Passo: Escolher o método de upload

passo 2 - escolha a melhor hospedagem

O próximo passo é escolher a ferramenta certa para fazer o trabalho. Essas são as 4 ferramentas mais utilizadas para subir um site:

Gerenciador de arquivos

Uma ferramenta utilizada diretamente no navegador que gerencia a manuseia seus arquivos e diretórios. Também temos um disponível na Hostinger!

gerenciador de arquivos na hostinger

Uma desvantagem de utilizar o Gerenciador de arquivos é o limite de upload. Se o arquivo do seu site for maior que 256MB, é melhor você usar um cliente FTP.

FTP (File Transfer Protocol)

Como todos os provedores de hospedagem possuem FTP por padrão, você pode utilizar um cliente FTP (como o FileZilla). Todas as informações necessários podem ser encontradar em Contas FTP, na seção Arquivos.

ftp

Diferente do Gerenciador de Arquivos, não há limite de upload no FTP. Isso quer dizer que você vai poder subir qualquer arquivo independente do tamanho.

Ferramenta de importação de sites

Na Hostinger você também encontra a ferramenta Importar Website. Você pode usá-la para subir e extrair um arquivo de até 256MB diretamente para o diretório public_html.

ferramenta de importação de sites

Plugins de migração do WordPress

Para os usuários do WordPress, existem diversas maneiras de subir um site. Uma das mais simples é através de plugins (como o All in One WP Migration), que faz todo o trabalho pesado para você.

plugin de importar sites all in one wp migration

Porém ele também possui uma limitação de 256MB, que pode ser removida com a compra de uma licença premium.

3º Passo: Subir e extrair o arquivo do site

passo 3 - subir e extrair o arquivo do site

Agora que você já conhece os métodos para importar seu site, vamos ao trabalho.

Vamos começar com o Gerenciador de Arquivos da Hostinger. Depois de abrir clique botão Upload Files, no menu superior.

Então selecione o arquivo do site em seu computador para fazer upload no servidor.

selecionar arquivo do site

Em seguida, utilize a ferramenta Extract no menu para descompactar o arquivo.

ferramenta extract

E é isso aí! O próximo passo é colocar todos os arquivos no diretório public_html, que será abordado mais a frente.

Caso você decida subir um site via FTP com FileZilla, recomendamos que você extraia o arquivo ainda em seu computador uma vez que o cliente FTP não possui a ferramenta de descompactação.

fazer upload do site via ftp

Dessa maneira você vai poder subir todos os arquivos necessários para a pasta public_html sem maiores problemas. Caso você prefira extrair os arquivos diretamente no servidor, pode fazê-lo manualmente via SSH.

4º Passo: Certificar que todos os arquivos estão na pasta public_html

passo 4 - certificar arquivos na pasta html

Agora é preciso certificar que todos os arquivos estão localizados no diretório root de seu domínio, o public_html.

Em alguns casos é comum que seja criado um diretório adicional na extração. Isso faz com que o site abra na URL exemplo.com/diretorio ao invés de exemplo.com

mensagens index

A mensagem “Index of /” significa que os arquivos não estão no diretório correto.

Para mover os arquivos do site para o diretório root do domínio você pode utilizar tanto o Gerenciador de Arquivos quanto o FTP. É só seguir os passos:

  1. Acesse o diretório onde os arquivos estão localizados.
  2. Selecione todos os arquivos, clique com o botão direito do mouse e selecione a opção Move.
  3. Coloque a pasta public_html como destino e clique em Move.

mover arquivos para pasta html

5º Passo: Importar o banco de dados MySQL

passo 5 - importar banco de dados mysql

Se o seu site utiliza um banco de dados, que é o caso do WordPress, então também é preciso fazer upload. Caso contrário, pule para o próximo passo.

Para importar um banco de dados:

  1. Crie um novo banco de dados MySQL e usuário através do painel da hospedagem.
  2. Acesse o banco de dados que acabou de criar via phpMyAdmin.
  3. Clique no botão Importar para fazer upload do backup do banco de dados.
  4. Atualize os dados do banco de dados (como nome do banco de dados, host, usuário, senha) nos seus arquivos de configuração.

Para mais detalhes, confira este tutorial sobre Como restaurar banco de dados MySQL usando phpMyAdmin.

6º Passo: Verificar se o site está funcionando

passo 6 - verificar se o site esta funcionando

Depois de subir todos os arquivos do site só nos resta conferir se está funcionando. Se o seu domínio já está apontando para a Hostinger, tudo que você precisa fazer é acessá-lo pelo navegador.

É importante lembrar que se você efetuou o apontamento recentemente, pode levar até 24 horas para que a alteração seja propagada.

Se o domínio estiver apontando para outro lugar, existem algumas maneiras de saber se está tudo funcionando corretamente:

  1. Utilizando o arquivo hosts. Existe um arquivo em seu computador que emula mudanças de DNS (se você utiliza MacOS, confira este tutorial).
  2. Via ferramentas online. Existem diversas ferramentas online que verificam o funcionamento do seu site, e ainda são relativamente simples de usar.
  3. Com um plugin de navegador. Você também pode instalar uma extensão como Virtual Hosts que pode ser utilizada para testar mudanças no DNS. Tudo que você precisa é do nome do domínio e do endereço de IP da sua conta.

Se você seguiu todos os passos corretamente, seu site deverá estar funcionando. Mas problemas acontecem, e caso você precise de uma mãozinha estamos disponíveis 24/7!

Conclusão

Parabéns, você acabou de aprender como subir um site para o servidor. Como mostramos, você pode subir diversos arquivos de uma só vez via FTP. Mas cada arquivo irá subir individualmente, o que pode demorar um bom tempo.

Por outro lado o Gerenciador de Arquivos é extremamente eficiente para subir arquivos menores, fazer alterações no código, ou até subir um site inteiro que não seja maior do que 256MB em tamanho.

Se você tem interesse em começar um blog ou até abrir uma loja virtual, já sabe todos os passos para subir seus arquivos para a hospedagem e disponibilizá-los para a WEB!

 

Rafael H.

Jornalista e estudante de economia, Rafael H faz parte da equipe de marketing da Hostinger desde 2017. Atualmente trabalha com crescimento e aquisição da empresa focado na aquisição de novos afiliados. Se apaixonou pelo mundo da tecnologia e hospedagem de sites, tendo experiência com WordPress, marketing digital e ferramentas de automação de marketing. Também já trabalhou como analista de conteúdo, redator, assessor de imprensa e analista de comunicação.

3 Comentários

Deixe seu comentário!

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

  • Seus artigos são bem informativos, vendo que muitas pessoas buscam informações relevantes, muito bom quando encontramos conteúdo de qualidade como esse, parabéns.

    • Ajudar as pessoas a aprender e crescer na internet é a nossa missão! Conteúdo relevante é um dos meios que usamos para fazer isso! Obrigada pelo feedback 🙂

  • muto interessante mas
    cade que tambem somos desenvolvedores .net como hospedar esta tecnologia voces atendem tambem? seja pelo menos nos servidores cloud? grato

Comece a Economizar Agora!

Hospedagem com tudo incluso e nome de domínio
R$2
29
/mês*