Como Encontrar e Escolher A Melhor Hospedagem De Sites

Como Encontrar e Escolher A Melhor Hospedagem De Sites

O primeiro passo de uma jornada de desenvolvimento de sites é encontrar o melhor provedor de hospedagem para você. Além de armazenar os arquivos e dados do site, um provedor de hospedagem desempenha um papel importante na segurança e no desempenho do site.

É essencial escolher uma empresa de hospedagem que ofereça uma excelente garantia de tempo de atividade para evitar que seu site sofra muito tempo de inatividade.

Pode parecer tentador escolher a opção mais barata disponível. No entanto, você deve analisar o que a hospedagem oferece em termos de armazenamento, facilidade de uso, infraestrutura de comércio eletrônico e opções de suporte ao cliente.

Neste artigo, compartilharemos algumas dicas para ajudar a escolher o serviço de hospedagem na web certo, esteja você iniciando um blog pessoal ou lançando um site de comércio eletrônico.

O Que Considerar ao Escolher um Provedor de Hospedagem na Web?

Diferentes tipos de hospedagem na web atendem a diferentes projetos e necessidades de negócios.

Para comprar um servidor web para o seu site, é essencial considerar alguns fatores cruciais:

  • Orçamento. Certifique-se de avaliar os custos de comprar um nome de domínio e obter temas e plugins premium. Além disso, quanto mais tipos diferentes de sites você possuir, mais caro será.
  • Escopo do projeto. Você quer construir uma loja online, um site pessoal ou uma landing page corporativa? Estime o tráfego potencial do site, pois isso o ajudará a prever os recursos necessários.
  • Ferramentas de criação de sites. Considere a plataforma que você vai usar para construir o site, como um CMS ou um criador de site online e verifique se a hospedagem da Web escolhida oferece suporte a essas opções.
  • Características. Leve em consideração as necessidades de largura de banda e armazenamento em comparação com os requisitos do seu site. Considere também a escalabilidade dos planos de hospedagem na web – dessa forma, você garantirá que o site tenha muito espaço para crescer.
  • Segurança. Verifique as medidas de segurança que o provedor implementa, como gerenciamento de acesso, certificados SSL, backups automatizados e atualizações de software.

CMS vs Construtor de Sites

Ao escolher um provedor de hospedagem, verifique se ele é compatível com as ferramentas de criação de sites que você deseja usar.

Se você deseja criar um site, as alternativas mais comuns para construir um site do zero são usar um sistema de gerenciamento de conteúdo (CMS) ou um construtor de sites.

Os CMSs têm uma curva de aprendizado mais acentuada porque você precisará lidar com tarefas técnicas como instalar plugins ou personalizar temas com código. Se você não tem experiência em design de sites, pode levar um pouco de tempo para criar um site que atenda à sua visão.

Os CMSs mais populares são WordPress, Joomla e Drupal. Para usá-los, você precisará instalar e configurar o CMS escolhido em sua conta de hospedagem. Alguns provedores, incluindo Hostinger, oferecem Hospedagem CMS que vem com um instalador automático conveniente. 

Homepage da WordPress.org

Por outro lado, os criadores de sites não exigem codificação. Basta arrastar e soltar elementos e o site estará pronto em pouco tempo.

Por exemplo, Zyro vem com muitos modelos gratuitos feitos por designers e opções de personalização. Seu sistema de grade pode ajudar a criar sites com pixels perfeitos de maneira rápida e fácil.

Landing page do criador de sites Zyro

Ele também oferece um gerador de texto de IA para criar espaços reservados de conteúdo para acelerar o trabalho. Se você precisar melhorar a CRO (otimização da taxa de conversão), o construtor vem com recursos de SEO e uma ferramenta de mapa de calor de IA para prever o comportamento do usuário.

Além disso, a maioria dos criadores de sites fornece serviços de hospedagem na Web, portanto, não há necessidade de adquirir um plano separado.

Se vocês estão iniciando um negócio online, você pode estar se perguntando como criar um site de comércio eletrônico também. Aqui estão algumas plataformas populares de comércio eletrônico que recomendamos:

  • WooCommerce. Um plugin WordPress de comércio eletrônico de código aberto que oferece ferramentas e módulos de marketing ricos em recursos.
  • Magento. Um software de comércio eletrônico de código aberto baseado em PHP adequado para criar lojas online. Embora tenha muitas extensões, a personalização avançada pode ser um pouco maçante se você não tiver o conhecimento técnico.
  • PrestaShop. Outra solução de código aberto para construir lojas online. Está repleto de recursos úteis e voltado para pequenas e médias empresas.
  • Shopify. Um construtor de sites com um editor de arrastar e soltar e vários aplicativos integrados para gerenciamento de comércio eletrônico.

Ao decidir qual plataforma escolher, considere preços e opções de pagamento. Certifique-se de que é acessível e suporta os principais gateways de pagamento, como PayPal ou Skrill.

Também é importante considerar o que a plataforma oferece em termos de inventário e gerenciamento de pedidos, como upload em massa e várias opções de envio.

Por último, mas não menos importante, verifique se a plataforma está pronta para dispositivos móveis e otimizada para SEO. Você também pode querer uma plataforma de comércio eletrônico com recursos de blog para melhorar o engajamento do cliente.

Independentemente de qual opção você escolher, a Hostinger suporta algumas das principais plataformas de comércio eletrônico, como WooCommerce, PrestaShop, e Magento que cumprem com os padrões de segurança PCI.

Você pode instalar mais scripts acessando a seção Website do hPanel da Hostinger e clicando em Auto Installer.

Armazenamento e Largura de Banda

Armazenamento refere-se ao espaço no servidor onde os arquivos e dados do site são armazenados. Esses arquivos incluem, mas não se limitam a imagens e vídeos.

Pode ser complicado estimar a quantidade necessária quando você está apenas começando. Afinal, vai depender do tipo de conteúdo que você postar.

No entanto, a maioria das páginas do site pesa cerca de 2 MB em média. Isso, em comparação com a quantidade de espaço em disco oferecido pela maioria dos provedores, não é muito. Como referência, o plano de hospedagem compartilhada single da Hostinger fornece 30 GB de espaço em disco.

No entanto, lembre-se de que arquivos como vídeos, imagens e banners de anúncios se acumularão em tamanho ao longo do tempo.

Isso também se aplica à alocação de largura de banda e depende muito de quanto tráfego você receberá. Largura de banda é o limite de transferência de dados de um site dentro de um período, normalmente todo mês.

É dividido em duas categorias – medidos e não medidos.

A largura de banda medida define um limite mensal de quanto tráfego o site pode gerar. Se esse limite for excedido, seu site poderá falhar e os visitantes não poderão acessá-lo.

O método ilimitado não limita seu uso mensal de largura de banda, pois o limite é definido apenas na capacidade do servidor coberta pelo plano. Felizmente, este também é o modelo mais comum usado por muitos serviços de hospedagem da web.

Uma boa regra é escolher um plano que ofereça 50% mais recursos do que a quantidade que seu site precisa atualmente. No entanto, a maioria dos planos de hospedagem são facilmente escaláveis, então você geralmente não precisa se preocupar com isso.

Ainda assim, é uma boa ideia saber estimar a quantidade necessária de recursos que seu site precisará:

  1. Verifique o número médio de visitantes mensais. Você pode encontrar isso facilmente usando Google Analytics, por exemplo.
  2. Verifique a média de visualizações de página. Este número pode ser encontrado no Google Analytics. Se, por algum motivo, você não quiser usá-lo, existem várias alternativas.
  3. Calcule o tamanho médio de suas páginas da web. Use ferramentas online como Rankwatch ou Pingdom para ver os tamanhos aproximados de todas as suas páginas da web.

Em seguida, multiplique todos esses números. Por exemplo, digamos que o tamanho médio de sua página da web seja de 2 MB, com tráfego médio mensal de 3.000 visitantes que abrem cerca de duas páginas. O resultado será 3000 x 2 x 2 = 12.000 MB ou 12 GB/mês.

Usando a regra de tolerância de 50%, o site precisará de cerca de 18 GB de largura de banda/mês.

Para efeito de comparação, a largura de banda da Hostinger para planos de hospedagem compartilhada começa em 100 GB e vai até ilimitado à medida que você atualiza o plano.

Importante! É bom ter em mente que “ilimitado” aqui não significa necessariamente “ilimitado”. É só que o limite de largura de banda é tão alto que parecerá ilimitado para a maioria dos usuários.

Velocidade e Otimização

A velocidade é crucial – você não quer que o site fique um milissegundo atrás. Isso é especialmente importante considerando que o tempo de carregamento é importante para SEO e a experiência geral do usuário.

Embora muitos fatores influenciem o desempenho do site, a velocidade do servidor também afeta o desempenho do site.

Para testar o desempenho de um servidor, leve estes dois fatores em consideração:

  • Tempo para o primeiro byte (TTFB). O tempo que o navegador leva para enviar uma solicitação e receber o primeiro byte da página. O Google afirma que a estimativa ideal é 200 milissegundos ou menos.
  • Tempo de carregamento do componente. Isso mede quanto tempo um servidor leva para carregar o conteúdo em cache. Se os dados já estiverem armazenados em cache, o servidor não deve demorar mais do que alguns milissegundos para distribuí-los pela página.

Para testar se o servidor web está funcionando rápido, você pode realizar um teste de velocidade usando ferramentas como GTmetrix ou Web Page Test.

Além disso, a Hostinger usa Cache LiteSpeed como seu servidor web principal para substituir o Apache, melhorando significativamente o desempenho do site.

Segurança

Quando se trata de segurança, considere alguns fatores como gerenciamento de acesso, Certificado SSL, firewall, monitoramento de rede e backups e atualizações automatizadas.

Um bom provedor de hospedagem na web deve oferecer um sistema robusto e seguro para limitar os privilégios de administrador e usuário do site. O back-end deve ser limitado apenas aos IPs que você usa.

Em seguida, considere as medidas de segurança que a hospedagem da Web implementa. Deve oferecer várias camadas de firewalls para proteger contra Ataques DDoS, métodos de criptografia e uma maneira de detectar malware.

Além de usar Imunify360 e Monarx para fortalecer e monitorar servidores, a Hostinger utiliza Cloudflare para garantir camadas adicionais de segurança enquanto o Wanguard detecta e mitiga ataques DDoS.

Por último, mas não menos importante, a melhor hospedagem de sites deve realizar backups regulares no nível do site e atualizar automaticamente o software sempre que a versão mais recente for lançada. Isso é para evitar possível perda de dados e outras vulnerabilidades por software desatualizado.

Facilidade de Configuração e Uso

Sempre verifique que tipo de interface de usuário o provedor de hospedagem oferece. Os provedores de hospedagem mais populares trabalham com o cPanel, que é uma marca de painel de controle muito popular.

A Hostinger usa o hPanel como seu painel de controle. É intuitivo e extremamente fácil de navegar. O hPanel possui vários recursos, enquanto a interface é mais simplificada e adaptada para todos os tipos de clientes.

O hPanel é muito intuitivo. É muito fácil fazer qualquer tarefa – desde gerenciar seus nomes de domínio e hospedagem, até instalar software ou cuidar de seus arquivos.

Além de uma interface de usuário intuitiva, um provedor de hospedagem confiável deve oferecer uma extensa biblioteca de informações e base de conhecimento para ajudá-lo a começar.

Verifique se a melhor hospedagem de sites fornece tutoriais e entradas de glossário suficientes para seus usuários. Observe se eles explicam terminologias complicadas em termos simples e oferecem métodos diretos para resolver problemas.

Se você encontrar um problema técnico sobre o qual deseja saber mais, visite os Tutoriais Hostinger ou confira nossa página do Centro de ajuda.

Suporte ao Cliente

O atendimento ao cliente é a espinha dorsal de todos os negócios de sucesso, e o mesmo se aplica aos provedores de hospedagem na web. Portanto, você desejará um provedor de hospedagem que possa fornecer um sistema de suporte confiável.

Um excelente suporte ao cliente deve estar pronto para responder às suas perguntas 24 horas por dia, 7 dias por semana. Também é um bom sinal se a hospedagem oferecer vários meios de contato com seus representantes, como chats ao vivo, e-mail ou telefones.

Se você estiver interessado em experimentar nosso serviço, nossa equipe trabalha 24 horas por dia para atendê-lo. Embora a Hostinger não ofereça suporte por linha telefônica, ela usa o chat ao vivo para atender às consultas dos clientes. Em última análise, você sempre pode ler as avaliações para saber o que as pessoas dizem sobre nossos serviços.

Tipos de Serviços de Hospedagem na Web

Normalmente, você precisa renovar seu plano de assinatura de vez em quando, geralmente até o final de cada ano. Dependendo do provedor, essa taxa de renovação pode ser cara.

Para ajudá-lo a escolher o melhor serviço de hospedagem web, vejamos os serviços de hospedagem compartilhada, VPS, nuvem e dedicada.

Hospedagem Compartilhada

Com a hospedagem compartilhada, um único servidor hospeda vários sites, compartilhando recursos como memória, largura de banda e espaço em disco entre todos eles. Esta é geralmente a opção mais acessível entre os serviços de hospedagem na web.

Também requer o mínimo de conhecimento técnico porque tudo é pré-configurado e gerenciado pela hospedagem web.

Além disso, a maioria dos provedores oferece um painel de controle amigável para iniciantes para ajudar a gerenciar o site. No caso da Hostinger, você usará o hPanel.

Lembre-se de que um servidor compartilhado pode ter problemas quando há um pico significativo no tráfego em outros sites e pode fazer com que seu site fique lento ou até falhe.

No entanto, é uma excelente escolha para sites de pequeno e médio tráfego. Se você estiver criando um blog ou site pessoal, a hospedagem compartilhada pode ser o que você procura.

A Hostinger oferece três planos diferentes de hospedagem compartilhada, cada um com um certificado SSL gratuito e uma garantia de 99% de tempo de atividade:

  • Hospedagem Compartilhada Single. Custando R$6.99/mês, é ideal para pessoas com orçamento limitado que só precisam gerenciar um site. Você terá 100 GB de largura de banda, 30 GB de espaço de armazenamento, um endereço de e-mail comercial e 256 MB de RAM.
  • Hospedagem Compartilhada Premium. Ao pagar R$12.99/mês, você receberá 100 GB de espaço em disco, um nome de domínio gratuito por um ano e largura de banda ilimitada, contas de e-mail e sites. Os recursos alocados dobram em relação ao plano anterior.
  • Hospedagem Compartilhada Business. Para proprietários de pequenas empresas que desejam criar um site profissional. Com R$19.99/mês, você terá as vantagens do plano premium e outras melhorias, como 200 GB de armazenamento e backups diários.

Se você ainda não tiver certeza, confira nossa página de compra de hospedagem para explorar mais opções para seu novo site. Além disso, se você decidir ir com a Hostinger, não se esqueça de verificar os Códigos de cupom Hostinger para obter desconto adicional na sua compra.

Hospedagem de Servidor Privado Virtual

Com o VPS, seu site ainda compartilha um servidor com outras pessoas, mas terá sua própria partição dedicada. Portanto, os recursos alocados serão mais estáveis ​​e seguros, pois você não precisará compartilhá-los com ninguém.

Sendo o meio termo entre hospedagem compartilhada e servidor dedicado, o VPS é ideal para sites de médio porte.

A desvantagem é sua curva de aprendizado íngreme. No entanto, se você tiver o conhecimento necessário para nivelá-la, desfrutará de acesso root completo e da capacidade de gerenciar as propriedades do servidor.

Na Hostinger, o preço para hospedagem VPS varia de R$13.99 a R$479.99, dependendo dos recursos que o site precisa.

Com a opção VPS 1, você terá um núcleo de CPU virtual, 1 GB de memória, 20 GB de armazenamento e 1 TB de largura de banda. Enquanto isso, o plano VPS 8 oferece oito núcleos de CPU virtual, 16 GB de memória, 250 GB de armazenamento e 12 TB de largura de banda.

Hospedagem Cloud

A hospedagem cloud combina a facilidade de uso da hospedagem compartilhada com a capacidade e confiabilidade do VPS. Ela usa a tecnologia de nuvem para delegar a carga nos recursos do site para vários servidores.

Dessa forma, se um servidor cair, o site pode ser facilmente hospedado por outro servidor, garantindo um tempo de atividade quase constante.

Este plano é perfeito para todos os tipos de negócios, independentemente do seu tamanho. No entanto, uma desvantagem é que alguns provedores não fornecem acesso root completo. Mesmo que o façam, o gerenciamento de hospedagem na nuvem é difícil se você não tiver o conhecimento técnico necessário.

A Hostinger oferece três planos de hospedagem cloud, todos com largura de banda ilimitada, IP dedicado e um nome de domínio gratuito no primeiro ano. No entanto, eles variam em quanto espaço em disco, RAM e núcleos de CPU que eles fornecem:

  • Startup. Por R$59.99/mês, ele vem com 200 GB de espaço em disco, 3 GB de RAM e 2 núcleos de CPU.
  • Profissional. Você terá 250 GB de espaço em disco, 6 GB de RAM e 4 núcleos de CPU, tudo por R$119.99/mês.
  • Enterprise. Custa R$399.99/mês e oferece 300 GB de espaço em disco, 12 GB de RAM e 6 núcleos de CPU.

Hospedagem Dedicada

A hospedagem dedicada garante o maior controle sobre o servidor porque você estará alugando um exclusivamente. É possível decidir quantos recursos alocar, qual software instalar e quais medidas de segurança implementar.

Assim, este plano é voltado para grandes empresas que precisam de desempenho máximo para projetos de grande porte. Não é preciso dizer que é o tipo mais caro de todos.

Além do custo do aluguel, será necessário contratar um ou dois profissionais para manutenção e gerenciamento do servidor.

Hospedagem WordPress

O WordPress pode trabalhar tecnicamente com qualquer tipo de hospedagem. No entanto, você pode obter um desempenho mais rápido e seguro com serviços de hospedagem projetados especificamente para isso.

Além de otimizar o servidor para hospedar vários sites WordPress sem problemas, o provedor também cuidará de quaisquer atualizações e ajustes técnicos. Além disso, você terá suporte prático para problemas relacionados ao WordPress.

Além disso, os planos de hospedagem do WordPress normalmente vêm com plugins e temas pré-instalados.

Todos os planos de hospedagem WordPress da Hostinger vêm com o plugin LiteSpeed ​​Cache pré-instalado, fazendo com que o servidor funcione até quatro vezes mais rápido.

Quanto à segurança, a Hostinger oferece o imunify360, entre outras medidas de proteção, para monitorar contra malware e quaisquer outras ameaças potenciais no nível do servidor.

Desenvolvedores profissionais podem se beneficiar de ferramentas como Git, phpMyAdmin e ambientes de teste fornecidos pela Hostinger.

A Hostinger oferece quatro Planos do WordPress para escolher, todos com um certificado SSL gratuito:

  • WordPress Single. Adequado para sites pequenos, o plano custa R$6.99/mês e permite que você crie um único site. Ele vem com 30 GB de armazenamento e 100 GB de largura de banda.
  • WordPress Starter. Recomendado para sites pessoais do WordPress. Por R$10.99/mês, crie até 100 sites e obtenha 100 GB de espaço em disco, plug-in Jetpack gratuito pré-instalado e largura de banda ilimitada.
  • WordPress Business. Este plano é otimizado principalmente para pequenas e médias empresas e custa R$22.99/mês. Alguns de seus recursos notáveis ​​incluem 200 GB de espaço em disco, CDN e backups diários.
  • WordPress Pro. Você terá 200 GB de espaço em disco, Jetpack pessoal e todas as vantagens mencionadas anteriormente por R$62.99/mês.

Conclusão

Neste artigo, discutimos os fatores que vale a pena ter em mente ao escolher um provedor de hospedagem na web para iniciar um site ou criar um blog:

  • Armazenamento e largura de banda. É essencial que o provedor lhe dê espaço suficiente para armazenar todos os seus arquivos. Além disso, a largura de banda ilimitada ajuda a garantir que seu site possa lidar com tráfego intenso.
  • Velocidade e otimização. Servidores com baixo desempenho afetam o TTFB e o tempo de carregamento dos componentes do seu site, afetando negativamente o SEO e a experiência do usuário.
  • Segurança. Verifique o que o provedor de hospedagem oferece em proteção contra DDoS, métodos de criptografia e detecção de malware. Backups e atualizações também são essenciais.
  • Facilidade de configuração e uso. Uma interface amigável e fácil de navegar tornará o gerenciamento de seus arquivos, domínios e software muito mais fácil.
  • Suporte ao cliente. Seja por bate-papo ao vivo ou e-mails, certifique-se de que a melhor hospedagem de sites estará disponível para ajudá-lo.

Ao verificar suas opções, verifique se o provedor de hospedagem oferece suporte à plataforma com a qual você deseja criar seu site. Lembre-se de que, se estiver usando um construtor de sites, não há necessidade de encontrar um provedor de hospedagem separadamente – a plataforma inclui o serviço em seus planos de assinatura.

No entanto, se você estiver usando um CMS, por exemplo, também precisará considerar os diferentes tipos de serviços de hospedagem disponíveis.

Para recapitular, a compra de hospedagem compartilhada é suficiente para um blog pessoal ou site de pequena empresa. Você não precisará se preocupar com os custos de manutenção do servidor, pois o provedor cuidará disso.

No entanto, se você precisa de mais recursos ou espera alto tráfego desde o início, provavelmente precisará investir um pouco mais e escolher VPS ou hospedagem em nuvem para o seu site de negócios.

Além de ser mais caro que outras opções, com hospedagem dedicada, é necessário adicionar custos de gerenciamento e manutenção à equação caso você não seja um usuário experiente.

Esperamos que você esteja mais familiarizado com as opções quando se trata de escolher um serviço de hospedagem na web e possa tomar uma decisão informada para expandir ainda mais seus negócios.

Author
O autor

Daniela C.

Daniela tem interesse em marketing digital, é especialista em SEO e faz parte do time de SEO & Conteúdos da Hostinger. Em seu tempo livre, ela gosta de viver a sua vida explorando o mundo, colecionando memórias e aventuras.